Parceiros



Witzel exonera Lucas Tristão

Autoria: Redação  |  Fotos: Rafael Wallace



O governador Wilson Witzel exonerou, nesta quarta-feira (3), o secretário Lucas Tristão, do Desenvolvimento Econômico, Energia e Relações Internacionais. A publicação ocorreu no fim da manhã no Diário Oficial.

Tristão é apontado como um dos principais desafetos do governo na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), que já tem dez pedidos de impeachment contra o governador.

A exoneração é vista como uma tentativa de barrar o processo de impeachment, um dia após o presidente da Alerj, André Ceciliano (PT), fazer duras críticas ao governador na reunião do colégio de líderes.

"Se nós aqui fossemos repetir o gesto do Governo, no dia de ontem nós teríamos que ter aceitado o processo de impeachment. Em nenhum momento isso passou pela minha cabeça, não é da minha índole. A gente não vai agir com fígado e a gente sabe da responsabilidade", disse Ceciliano.

O deputado estadual Chicão Bulhões é autor de um dos pedidos de impedimento. Para ele, Witzel tenta melhorar a situação com o Parlamento, mas os motivos para o impeachment continuam.

"Isso, certamente, foi alguma orientação que o governador recebeu para que a exoneração do Tristão o fizesse se livrar do processo, mas acredito que a Mesa Diretora deve levar adiante os pedidos para votar", diz ele. "O Tristão sempre tratou a Casa como uma inconveniência, algo secundário."

 

galeria de imagens desta notícia

deixe seu comentário



 



comentários

Os comentários não expressam a opinião da Folha Popular ou de seus representantes e colaboradores e são de inteira responsabilidade das pessoas que os escreveram.

Nenhum comentário



outras notícias



Assine nossa NewsLetter !

Por favor, digite seu Nome e Email

Digital Newsletter

Para cancelar inscrição, por favor clique aqui» .


A Folha

Capa
Expediente
Contato

Redes Sociais

Facebook
Twitter
Youtube

Segurança

Acesso Restrito
Webmail

Voltar ao topo