Parceiros



Filhote de coruja passa por reabilitação para voltar à natureza em Petrópolis

Autoria: Redação  |  Fotos: G1


Um filhote de coruja da espécie Caboré, de apenas nove centímetros, passa por reabilitação com direito a treino de voo para poder voltar ao habitat natural. O animal foi encontrado na Estrada da Rocinha, em Petrópolis, sem conseguir voar. A previsão é de que a soltura aconteça no domingo (27).

A presidente da ONG AnimaVida, Ana Cristina Ribeiro, conta que foi acionada por um casal no dia 1º de janeiro.

"Ela chegou aqui com plumas ainda, então, a gente acredita que seja um filhotinho. Estamos há uma semana fazendo treino de voo dentro de uma sala fechada, com prateleiras e ela está evoluindo", disse Ana Cristina, acrescentando que o objetivo é que ela ganhe tônus muscular.

Os cuidados com o animal, aplicados pela ONG, contam com a orientação da Associação Pró-Coruja, que fica em Vassouras. A intenção é soltar a corujinha no Vale Florido, próximo à Fazenda Inglesa.

"Eles nos orientaram sobre a alimentação e os hábitos dela. A coruja come lascas de moela de frango, e uma curiosidade é que ela toma banho. Deixamos uma vasilha dentro da gaiola e ela se molha até o pescoço", conta Ana Cristina, ressaltando que a espécie Caboré tem metabolismo acelerado e precisa se refrescar.

Ela foi identificada por um biólogo consultado pela AnimaVida como sendo da menor espécie de coruja do mundo. O adulto de Caboré pode chegar a 16 centímetros de altura.

galeria de imagens desta notícia

deixe seu comentário



 



comentários

Os comentários não expressam a opinião da Folha Popular ou de seus representantes e colaboradores e são de inteira responsabilidade das pessoas que os escreveram.

Nenhum comentário



outras notícias



Assine nossa NewsLetter !

Por favor, digite seu Nome e Email

Digital Newsletter

Para cancelar inscrição, por favor clique aqui» .


A Folha

Capa
Expediente
Contato

Redes Sociais

Facebook
Twitter
Youtube

Segurança

Acesso Restrito
Webmail

Voltar ao topo