Parceiros



Morre funcionário da CSN que teve 85% do corpo queimado

Autoria: Redação  |  Fotos: Redes Sociais



Morreu no início da tarde desta quinta-feira (16) o funcionário da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) que teve 85% do corpo queimado em um acidente na última terça-feira (14) dentro da empresa. Daniel Silvério Bragança, de 34 anos, foi transferido de avião, na quarta-feira (15), para um hospital especializado em São Paulo. Inicialmente o funcionário foi socorrido e levado para o Hospital das Clínicas de Volta Redonda.

Daniel teve o corpo queimado durante uma atividade de manutenção na área de Laminação a Frio — setor responsável pelo corte do aço. Em nota, no dia do acidente, a assessoria da Usina Presidente Vargas informou que houve um curto circuito em um transformador.

Até a publicação desta reportagem não havia informação sobre velório e enterro. Ainda não há previsão do translado do corpo. Em nota, a CSN informou que lamenta a morte e presta solidariedade à família.

galeria de imagens desta notícia

deixe seu comentário



 



comentários

Os comentários não expressam a opinião da Folha Popular ou de seus representantes e colaboradores e são de inteira responsabilidade das pessoas que os escreveram.

Nenhum comentário



outras notícias



Assine nossa NewsLetter !

Por favor, digite seu Nome e Email

Digital Newsletter

Para cancelar inscrição, por favor clique aqui» .


A Folha

Capa
Expediente
Contato

Redes Sociais

Facebook
Twitter
Youtube

Segurança

Acesso Restrito
Webmail

Voltar ao topo